Conheça alimentos que são fontes de beleza

Fatias de pepino nos olhos, gema de ovo no cabelo… Graças às receitas “milagrosas” das nossas avós, a nossa cozinha há muito que se transformou num salão de beleza. 

Mas e se, em vez de espalhar alimentos em nosso corpo, tentarmos colocá-los no menu para obter os benefícios? Comer um abacate suaviza a pele e comer brócolis deixa o cabelo mais brilhante. 

Quem teria acreditado nisso?

Beleza e nutrição, uma combinação chocante? “Não há dúvidas sobre isso”, diz Véronique Lebar, médica e consultora em cosmetologia e nutrição. 

Com uma alimentação bem pensada é bem possível nutrir os cabelos, hidratar a pele ou até fortalecer as unhas. ” Um trabalho de prevenção capital. 

Porque para ser bonito, é a montante que tudo se joga. “Depois que a fibra da pele está rompida ou as rugas visíveis, fica difícil voltar”, destaca a especialista. Pele grisalha, cabelo opaco, unhas quebradiças … Não vamos esperar os primeiros sinais de fraqueza para começar a cozinhar.

Abacate e peixe gordo para amaciar a pele

A pele é composta de células lipídicas e de água, entre outras coisas.

Em outras palavras, gordura e água. Para que não resseque e fique mole, portanto, é preciso alimentá-lo bem, privilegiando as gorduras boas (Ômega 3 e 6), e hidratá-lo, bebendo muito (água, sopas, chás de ervas …).

Mas também graças às frutas e vegetais, que estão cheios de água.

Peixes oleosos: cavala, sardinha, salmão …

Abacate: composto por 20% de gorduras de boa qualidade: ácidos graxos insaturados

Óleos vegetais: azeitona, colza, grainha de uva… Ao ritmo de 3 colheres de sopa por dia e se possível alternando ou mesmo misturando.

Sementes oleaginosas: avelãs, azeitonas, pistache… que contenham 50 a 70% de gordura.

Recomendamos também que você leia o artigo sobre o suplemento Keto Boost.

Frutas cítricas e manteiga para dar brilho

A epiderme, os cabelos e as unhas são todos recobertos pela mesma camada de proteína, a queratina, cuja espessura varia de uma para outra.

Portanto, suas necessidades são semelhantes. Para lhes garantir força e esplendor, é necessário recorrer a um verdadeiro cocktail de vitaminas.

A vitamina C em primeiro lugar, o que lhes dá uma aparência sedosa e brilhante. Vitamina A, para flexibilidade e resistência, e vitamina E, com propriedades antioxidantes e antienvelhecimento.

Além disso, não esquecemos o selênio, oligoelemento que combate o envelhecimento celular causado pelo tabaco ou pela poluição.

Morcela e cenoura contra a pele cinza

O principal inimigo da nossa boa aparência?

A deficiência de ferro, também conhecida como “anemia”. Causa fadiga, tez pálida (até doentia) e olheiras.

No entanto, as mulheres são as primeiras a serem afetadas, especialmente aquelas que têm períodos abundantes.

Portanto, não hesite em favorecer certos alimentos ricos em ferro.

Tenha cuidado para não cair numa armadilha frequente: a do chá!

Na verdade, a teína e, em menor grau, a cafeína, destroem o ferro que acaba de ser absorvido pelo corpo.

Devem, portanto, ser consumidos fora das refeições (pelo menos 2 horas).

Além disso, o ferro é considerado muito eficaz no combate a cabelos e unhas quebradiças.

Outro aliado da nossa tez: o beta-caroteno, pigmento laranja natural que protege a pele dos raios ultravioleta e a prepara para o bronzeamento.

Produtos lácteos e água mineral para dentes brancos

Para um sorriso radiante, é importante dar aos nossos dentes algo que os fortaleça.

O cálcio em primeiro lugar, essencial para a formação dos ossos e consequentemente dos dentes.

Mas também o flúor, este oligoelemento bem conhecido por seu papel no esmalte.